TEMPOCLIMA ENSINA: Ciclo Hidrológico

O ciclo hidrológico ou ciclo da água consiste na evaporação da água no estado líquido encontrada em lagos, rios e etc. A água passa do estado líquido para o gasoso com velocidade de acordo com a temperatura ambiente. Além do processo de transformação, chamado de evaporação, existe também o processo chamado de fusão que consiste na transformação da água passando do estado sólido para o estado gasoso que também faz parte do ciclo hidrológico (figura 1).


Figura 1: Mudanças do estafo fisíco

Fonte: http://pt.slideshare.net/7fibn/cfq-propriedades-das-substancias.

Quando a água evapora ela entra em contato com as camadas mais frias da atmosfera, voltando ao estado líquido e, assim, formando as nuvens (Figura 2).


Figura 2: Nuvem

Fonte: https://pixabay.com/pt/nuvem-nuvens-carregadas-de-chuva-c%C3%A9u-1202688/ .

Após a formação das nuvens as gotas crescem e ocorre a precipitação (começa a chover). Em regiões muito frias da atmosfera a água passa, respectivamente, do estado gasoso, líquido e sólido formando a neve ou granizo (figura 3).


Figura 3: Formação do Granizo

Fonte: https://routgeo.wordpress.com/2012/05/04/formacao-de-granizo-e-chuva-congelada/ .

Dentro da nuvem Cumulonimbus atua uma corrente de ar, fazendo com que as gotículas de água fiquem em constante movimento dentro da nuvem.

Dessa forma, as gotículas de água se congelam quando chegam à camada mais fria da nuvem (o topo), se solidificam formando o granizo, e depois "caem", seja por peso ou por uma corrente descendente. Dessa forma o granizo derrete e depois recomeça num processo contínuo de aquecimento e resfriamento, criando ainda mais camadas de gelo até que o granizo alcança um peso, e o ar dentro da nuvem não consegue segurá-lo e precipita em forma de gelo.

Os lençóis freáticos se formam a partir da água da chuva e da neve que se infiltram no solo, as águas subterrâneas emergem para a superfície e formam as nascentes. As raízes das plantas absorvem a água do solo e, através da transpiração, essa água é eliminada das plantas para o ambiente na condição de vapor.


Figura 4: Ciclo da Água

Fonte: http://www.revistaecologico.com.br/esite/kcfinder/upload/images/Ciclo-da-agua.jpg.

Os animais também participam do ciclo hidrológico quando devolvem a água ingerida ao ambiente através da respiração, urina, fezes e da transpiração. Então a água evapora e continua o permanente ciclo hidrológico.

O ciclo da água não ocorre apenas com as águas que estão em rios, lagos e etc. Ele também ocorre, por exemplo, quando colocamos roupas no varal, com as poças de água no meio da rua e em qualquer lugar que tenha água e não esteja ao abrigo do sol. O sol faz com que a água passe do estado líquido para o gasoso e assim continue esse ciclo.

O ciclo hidrológico é muito importante para a vida, pois através dele ocorre à variação do clima, os rios funcionam e as plantas e os animais se desenvolvem.


Figura 5: Evaporação da água nas roupas

Fonte: http://s2.glbimg.com/RJ0C9ChF3Qq0rBKMgA65PP3ayiE=/s.glbimg.com/
og/rg/f/original/2013/09/11/quero_saber_-_roupa_seca_-_606x455.jpg.

Um fator que interfere no clima e consequentemente no ciclo da água são as correntes dos oceanos. Por exemplo, a corrente do Golfo, se move desde o Golfo do México através do Oceano Atlântico com destino a Inglaterra. Vindo de climas quentes, ela afeta o clima de algumas áreas e, consequentemente, interfere nas etapas do ciclo da água.

No Brasil, os chamados Rios Voadores, são grandes massas de vapor d'água acompanhadas de nuvens, impulsionadas pelos ventos fazendo com que passem carregando umidade de um lugar a outro. Essas massas de vapor d'agua nas condições de tempo adequadas se transformam em chuva.

O principal rio voador do Brasil nasce no Oceano Atlântico e faz a sua jornada em direção ao sul do país. Existe uma barreira natural formada pela Cordilheira dos Andes, aonde os rios que vão em direção a oeste são parcialmente barrados a leste da cordilheira, e a partir disso a precipitação acontece (começa a chover). A outra parte volta para o continente e abastece as regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil além da bacia do Rio da Prata.

Segundo pesquisadores, sem essa umidade gerada pelos rios voadores, as principais regiões de destino iriam se transformar em algo parecido com o clima de um deserto.


Figura 6: Rios Aéreos

Fonte: http://arvoresertecnologico.tumblr.com/post/148150122882/os-rios-voadores-ligam-os-ventos-al%C3%ADsios.

Esse ciclo é tão importante, pois de toda a superfície terrestre, 75% é coberta de água sendo que a maior parte (97%) é de água salgada e apenas 1% está disponível para o consumo, e os outros 2% encontram-se em geleiras. Esses 3% de água doce estão divididos de forma desigual no mundo. O continente com maior disponibilidade de água doce é o Americano (46%), o Brasil possui 12% deste total (figura 7).


Figura 7: Quantidade doce de água no Mundo

Fonte: http://guiadoestudante.abril.com.br/crise-hidrica/.

O ciclo da água pode ser afetado por várias maneiras, dentre elas a construção de usinas hidrelétricas, barragens e a poluição que é o principal vilão da água. A água que está sendo poluída é aquele 1% disponível para consumo. A poluição é tão grande que o ciclo hidrológico não consegue recuperar a qualidade da água sozinha.


Figura 8: Poluição no Rio

Fonte: https://i.ytimg.com/vi/wcWGtf9UoU8/maxresdefault.jpg.

Devemos ficar atentos também com o consumo exagerado, pois com a falta de chuvas e a poluição, algumas regiões do mundo podem enfrentar a falta de água. O consumo de água para a produção de alimentos e outros produtos diversos é alto, por isso devemos propor soluções que diminuam a quantidade, as medidas de armazenamento e a reutilização da água (Figura 9).


Figura 9: Consumo de água para a produção produtos diversos

Fonte: http://2020sustentavelconsumoconsciente.blogspot.com.br/2010/11/agua-que-voce-nao-ve.html.

Você pode fazer sua parte!


Figura 10: Dicas para economizar água

Fonte: http://prefeituraguape.blogspot.com.br/2014/10/arsae-da-dicas-para-reduzir-o-consumo-e.html.

Referências Bibliográficas

  1. -CAB CUIABÁ. A impotância da Água. Disponivel em :< http://www.cabambiental.com.br/cab-cuiaba/atitude-consciente/aprenda-a-cuidar/a-importancia-da-agua/>. Acesso em: 24 de Set. 2016.

  2. -EXPEDIÇÃO RIOS VOADORES BRASIL DAS &AGUAS. Fenômeno dos rios voadores. Disponivel em: < http://riosvoadores.com.br/o-projeto/fenomeno-dos-rios-voadores/>. Acesso em: 23 de Set. 2016.

  3. -SÓ BIOLOGIA. Ciclo da água. Disponivel em:< http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Agua/Agua5.php>. Acesso em: 22 de Set. 2016.

  4. -TODA MATÉRIA. Corrente do golfo. Disponivel em: < https://www.todamateria.com.br/corrente-do-golfo/>. Acesso em: 21 de Set. 2016